sábado, 14 de agosto de 2010

PE aprova licença de maternidade para as trabalhadoras independentes

Ou muito me engano ou, em Portugal, da forma que as coisas estão, isto não tem qualquer validade... Quando estiver no papel, só vai mesmo estar no papel.

Sem comentários: